Consulta pública da primeira licitação do transporte coletivo da RMC termina dia 15

 Consulta pública da primeira licitação do transporte coletivo da RMC termina dia 15
Compartilhe

Terminal de Ônibus Vila Angélica, Araucária – Foto: Maurilio Cheli

A Agência de Assuntos Metropolitanos do Paraná (Amep) divulgou nesta sexta-feira (8) uma primeira atualização sobre o andamento da consulta pública da licitação do serviço de transporte coletivo da Região Metropolitana de Curitiba. Lançado pelo Governo do Estado, o processo registra mais de 60 contribuições. O prazo para enviar sugestões encerra em 15 de dezembro.

A consulta pública, que está em andamento há nove dias, representa um marco na busca de aprimorar o futuro contrato de concessão do serviço, que será o primeiro da história da RMC. Usuários do transporte coletivo metropolitano, entidades de classe, sociedade civil organizada e empresários do setor podem acessar os documentos do processo licitatório e compartilhar suas visões e ideias. 

De acordo com o presidente da Amep, Gilson Santos, o compromisso do Governo do Estado em realizar essa licitação na operação metropolitana reflete o empenho por regulamentação, melhorias e modernização do serviço em benefício direto da população. “A inclusão de todos os municípios que compõem a região na gestão metropolitana é uma mudança significativa, passando de 19 para 28 cidades, além da Capital, o que mostra a nova organização que estamos propondo”, afirmou.

Ele destaca que a comunidade tem se mostrado ativa e engajada, sugerindo melhorias principalmente nas linhas locais, o que reflete a preocupação coletiva em aprimorar a qualidade do transporte metropolitano. As contribuições, que giram em torno de questões como frequência, itinerários e conforto, evidenciam o desejo de uma experiência mais eficiente e satisfatória para os passageiros. “Estamos ouvindo atentamente as contribuições da comunidade. É uma oportunidade única de moldar um contrato de concessão que atenda verdadeiramente às necessidades e expectativas dos usuários”, ressaltou Santos.

Segundo o material disponibilizado para a consulta pública, a licitação prevê a concessão em quatro lotes. O período de contrato será de 12 anos, estabelecendo a entrada de frota nova que responda a quesitos de sustentabilidade ambiental. Entre outras implementações, todos os veículos serão equipados com wi-fi

A população pode participar da consulta pública até o dia 15 deste mês. Basta acessar www.amep.pr.gov.br/consultapublicatransporte.

oreporter

Related post