Copa do Brasil: Athletico vence o Santos e Flamengo goleia o Grêmio em Porto Alegre

 Copa do Brasil: Athletico vence o  Santos e Flamengo goleia o Grêmio em Porto Alegre
Compartilhe
Furacão joga pelo empate no jogo de volta (Divulgação)

Bem Paraná

O Athletico Paranaense venceu por 1 a 0 o Santos, nessa quarta-feira (dia 25) à noite, na Arena da Baixada, na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O gol foi do centroavante Renato Kayzer. O jogo ainda não teve a presença de público, apesar da liberação parcial da Prefeitura de Curitiba. O jogo de volta contra o Santos está agendado para 14 de setembro, às 21h30, na Vila Belmiro, em Santos. O gol como visitante não é critério de desempate. Em caso de empate na soma dos placares, a classificação será decidida nos pênaltis. Quem passar, pega o vencedor do duelo entre Grêmio e Flamengo. Em Porto Alegre, mesmo com um jogador a menos, o Flamengo goleou o Grêmio por 4×0.

BOMBARDEIO
O jogo foi um ‘bombardeio’, com um total de 31 finalizações – 16 do Athletico e 15 do Santos. No entanto, faltou pontaria dos dois lados. O time paranaense só teve 5 arremates certos e a equipe paulista, apenas 2. O Furacão jogou melhor e construiu sete boas jogadas, além do gol. O Santos só construiu duas boas jogadas em 90 minutos.

FASES
O resultado alivia a má fase do Athletico, que agora soma 2 vitórias, 1 empate e 5 derrotas nos últimos 8 jogos. Já o Santos está em momento pior: completou 4 jogos em vencer (2 empates e 2 derrotas).

ARTILHEIRO
Renato Kayzer é o vice-artilheiro do Athletico na temporada 2021, com 6 gols em 29 jogos, empatado com Nikão (6 gols em 28 jogos) e Terans (6 em 24). O artilheiro é o ponta Vitinho (9 em 28), vendido ao Bordeaux.

ESTREIA
O ponta Pedro Rocha (26 anos, ex-Grêmio), que veio do Spartak Moscou, fez sua estreia pelo Athletico, entrando no 2º tempo. Ele não atuava desde maio.

ARBITRAGEM
O Santos reclamou de um pênalti não marcado aos 21 do 2º, quando Renato Kayzer usou o braço para dominar a bola na área. O ex-árbitro Salvio Spinola afirmou no Sportv que houve penalidade. “Não foi acidental. O Kayzer usou o braço aberto”, disse. O árbitro da partida nada marcou. No fim, aos 38 do 2º, o Athletico marcou com Mingotti, que foi anulado por impedimento. A imagem da TV deixa dúvidas – dá a impressão inicial de mesma linha. Em redes sociais, torcedores reclamam que a imagem do VAR, com as linhas traçadas, não foi divulgada na transmissão de TV. Depois do jogo, o técnico do Athletico criticou a arbitragem por anular o gol.

oreporter

Related post