Ricardo Oliveira preparado para os desafios no comando do legislativo de Tijucas do Sul

Da Assessoria

Ricardo, presidente do legislativo de Tijucas do Sul (Divulgação)

Eleito para o primeiro mandato, o jovem vereador Ricardo Oliveira defende um mandato de compromisso com a população. Além de ser o primeiro mandato como parlamentar, Oliveira foi eleito presidente da mesa diretora. “Estamos iniciando o trabalho como vereador em Tijucas e, também presidindo a Casa do Povo. Temos um grande compromisso e responsabilidade, principalmente por ser meu primeiro mandato. Este pacto é com o povo de Tijucas do Sul, principalmente com os jovens, pois por muito tempo nós (jovens) buscamos este espaço na política e nas decisões importantes do município. Sei do remanso dessa responsabilidade, por isso, a frente do legislativo pelos próximos dois anos, buscarei sempre o diálogo com os demais vereadores, respeitando as diferenças e as convicções de cada um e, também ouvindo sempre a população, dando cada vez mais espaço para que ela tenha na câmara de vereadores um local para ajudar no desenvolvimento do município”.

Ricardo Oliveira assegura que procurará ser um elo de ligação entre os vereadores e o Executivo. “O meu mandato, como presidente, será de manter o melhor diálogo possível com o prefeito Gringo, o vice Claudemir, seu secretariado e também com os servidores municipais. Enfim, será um tempo de buscar harmonia para que todos, juntos, possamos trazer o desenvolvimento para o município. Estamos já encerrando este primeiro mês de trabalho e, e nesse tempo, pudemos conhecer melhor o nosso trabalho. Procurei ouvir todos os vereadores, as lideranças do poder executivo, para se preparar para o início das sessões ordinárias que começarão em fevereiro, embora já tenhamos promovido sessões extraordinárias neste mês, pois precisávamos garantir à reposição dos salários dos servidores. Teremos muito trabalho, mas estamos muito convictos de que com perseverança e fé em Deus, haveremos de fazer parte de um novo tempo para nosso município. Penso que, se ao final do meu mandato, os jovens de Tijucas do Sul não sejam obrigados a ir embora do nosso município em busca de oportunidade, terei cumprido este meu primeiro papel”, finaliza Ricardo.

Veja também...