CoronavírusDestaqueQuitandinha

Covid: Mais de mil atendimentos em Quitandinha

Saúde de Quitandinha rompe a marca de mil atendimentos relacionados à COVID-19

Equipe da Saúde de Quitandinha atenta aos pacientes com o vírus

Da Assessoria

Quitandinha registrou, nesta semana, a marca de mil atendimentos relacionados à COVID-19 em sua estrutura básica de saúde, sendo julho o mês com maior carga de atendimentos desde o começo da pandemia, com 451 atendimentos. Mesmo assim, a estrutura de saúde nunca passou por nenhuma sobrecarga ou insuficiência durante esse período, ampliando a estrutura de atendimento. De acordo com a Secretária de Saúde, Caroline Przybylok, a preocupação agora é focar na prevenção e promoção de saúde. “Nossa estrutura aguentou a demanda com firmeza desde o começo da pandemia. Recentemente adquirimos os totens de álcool em gel e também realizamos as sanitizações urbanas, que pretendemos continuar fazendo ao menos uma vez ao mês nos locais com maiores fluxos de circulação”, afirma.

O mundo não estava preparado para a pandemia, em todas as perspectivas. Foi necessária muita agilidade e coesão na hora de definir que tipos de estratégias seriam desenvolvidas para atender a população que, porventura, poderia contrair a doença. Nesse contexto, a Saúde de Quitandinha procurou se atualizar constantemente durante todos os dias, se alinhando com as diretrizes do Estado e modelando a sua demanda conforme os dias. “Todo esse contexto nos pegou de surpresa, porém com atenção e agilidade nós conseguimos chegar a uma cadência de ações que estavam de acordo com a nossa estrutura e com a nossa realidade enquanto município”, afirma a secretária.

 

 

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar