DestaqueFazenda Rio Grande

Bancos fechados internamente para o público

Bancos de Fazenda R. Grande e região fechados para atendimento interno

Pagamentos, saques e outros serviços, somente nos caixas eletrônicos

Da Assessoria

Agências do bancos do Brasil, Itaú, Bradesco, Caixa Econômica Federal, de Fazenda Rio Grande, região e Curitiba, ficam fechadas a partir de quinta-feira (26) por causa do isolamento imposto como forma de combater a proliferação do novo coronavírus. As agências destes bancos deixam, assim, de prestar atendimento presencial ao público na capital, como determina a Ação Civil Pública acolhida na tarde desta quarta-feira (25) pelo juiz José Wally Gonzaga Neto da 20ª Vara do Trabalho de Curitiba, por meio de decisão de tutela provisória.

A ação foi movida pelo Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários, Financiários e Empresas do Ramo Financeiro de Curitiba e região, baseada no direito coletivo dos trabalhadores dos bancos de terem sua saúde protegida. Conforme a decisão, o pedido atende leis federais e o decreto 4318/2020 assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior (PSD), que elenca, entre os serviços e atividades essenciais: “compensação bancária, redes de cartões de crédito e débito, caixas bancários eletrônicos e outros serviços não presenciais de instituições financeiras”. Ao procurar a Justiça, o sindicato alegou que os bancos réus estão descumprindo o decreto do governador do Paraná, mantendo abertas agências bancárias para atividades presenciais não essenciais, pois “após o advento das novas tecnologias de trabalho e a informatização dos sistemas bancários, muitas das atividades realizadas pelos bancários são feitas on-line por aplicativos e via homebanking”.

Continuar lendo

Artigos Relacionados