Conheça a história do Centro Cívico, e porquê é um dos melhores bairros para viver em Curitiba

 Conheça a história do Centro Cívico, e porquê é um dos melhores bairros para viver em Curitiba
Compartilhe

Com tudo à sua disposição, o Centro Cívico é um local incrível para viver

Curitiba é famosa no Brasil inteiro por ser uma cidade planejada, urbanística e bastante organizada. Bom, cada um desses pontos positivos se destaca com ainda mais força em um certo bairro da cidade: o Centro Cívico. Com uma história sem igual e com uma série diferenciada de vantagens, a região atrai cada vez mais novos moradores por conta de seu estilo de vida.

Hoje você vai conhecer um pouco mais de como o bairro se formou, porque isso é um dos fatores que o tornou tão interessante e cada uma das vantagens que viver no Centro Cívico oferece a seus moradores. Confira com a gente!

A história do Centro Cívico

Planejado desde a década de 1940 pelo urbanista francês Alfred Agache, o Centro Cívico é conhecido por ser a área que concentra os prédios oficiais dos três poderes do estado Paraná (Executivo, Legislativo e Judiciário), além da Prefeitura Municipal.

Pensada para ser uma área voltada para o cidadão, moderna e acessível, o bairro se estabeleceu finalmente em 1953. Essa centralização dos edifícios oficiais tornou Curitiba pioneira, antecedendo Brasília e inspirando o que foi feito por Juscelino Kubitschek na construção da capital nacional.

Construído a partir de uma arquitetura modernista e com um planejamento urbano impecável, ele fica em uma localização privilegiada, que liga o Centro de Curitiba a outros bairros nobres, como Juvevê, Alto da Glória, Ahú, São Francisco.

Lazer e cultura ao ar livre

Com tanto privilégio desde sua formação, não é surpresa saber que a arquitetura nos padrões modernistas implantada na região é respeitada até hoje. Inclusive, graças a ela, o bairro é completamente arborizado, oferece espaços amplos tanto para os pedestres quanto para o tráfego e é deliciosa para passeios ao ar livre.

Mas não para por aí, por lá fica o MON (Museu Oscar Niemeyer), também conhecido como Museu do Olho. Com um design marcante, é o principal museu de artes da cidade, fundado em 2002. Além disso, ele conta com um parque agradável atrás, conhecido como Bosque do Papa.

Comércio desenvolvido

Outro ponto bem positivo para quem busca por apartamento no Centro Cívico é o fato de ter qualquer tipo de loja à disposição. Além de muitos mercados, farmácias, armazéns, padarias etc. espalhados pela região, um dos principais shoppings da cidade está em um ponto privilegiado do bairro: o Shopping Mueller. Sendo assim, fica muito mais fácil de estabelecer residência sabendo que há tantas opções ao seu dispor.

Bares e gastronomia

Diversão também é um item que não falta para quem está no Centro Cívico. Afinal, alguns dos principais restaurantes da cidade estão no bairro, sendo referência em gastronomia e bem avaliados por guias especializados. Mas quem prefere uma diversão mais casual para a vida noturna, também vai gostar de saber que o bairro conta com sua porção de bares badalados.

Centro de negócios

Quem não quer morar perto do trabalho, não é mesmo? Um aluguel de apartamento  também pode beneficiar bastante nesse sentido. Afinal, em uma mistura de residencial, comercial e estatal, coworkings e prédios comerciais fazem com que o Centro Cívico seja um dos núcleos de negócios da cidade.

Além de belíssimas opções de casas e prédios na região que estão, grandes e médias empresas fizeram suas instalações na região. Ou seja, dependendo da situação, é totalmente possível residir a poucos passos do local de trabalho.

Gostou de conhecer a história do Centro Cívico? As vantagens que esse organizado bairro de Curitiba oferece te agradaram? Sendo assim, mostre ao máximo de pessoas possível tudo o que viu por aqui e compartilhe esse texto tanto nos seus grupos de WhatsApp quanto nas suas redes sociais.

oreporter

Related post

Enviar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Isso vai fechar em 5 segundos