Copa Mundo do Futsal: TV O Repórter transmitindo para o mundo todo

 Copa Mundo do Futsal: TV O Repórter transmitindo para o mundo todo
Compartilhe

Da redação

Da segunda-feira (20) até domingo (26), a TV O Repórter a Tizon Mídia estiveram em Paranaguá acompanhando e transmitindo, para o mundo todo, os jogos da Copa Mundo de Futsal Sub 21. Times brasileiros enfrentaram atletas da Rússia, Japão, Canadá, Estados Unidos, Argentina e Colômbia. Além do canal O Repórter no Youtube, as imagens coletadas pela equipe da TV O Repórter também foram para a TVCI e a Band TV, além de canais internacionais.

Quem falou do nervosismo de transmitir para tantos canais diferentes, foi o Alex Tizon, da Tizon Mídia. Segundo ele, todo campeonato tem suas peculiaridades, mas a equipe estava preparada para resolver qualquer problema.

Uma das peculiaridades, desta vez, foi cumprir o horário estabelecido pela Band, já que, ao vivo pelo YouTube, é possível começar e terminar os vídeos a qualquer momento. Na TV, porém, é diferente: tudo tabelado.

“Mas foi só essa questão de horário mesmo, porque a equipe é bem treinada. Todo mundo desempenhando um papel muito bom. De parte técnica estava tudo resolvido. Era só a questão da pressão do horário e o nervosismo”, comenta.

O grande vencedor da Copa foi o time Jec/Krona, que jogou a última partida contra o time Torpedo, da Rússia. O placar ficou em 4 a 2 para o time de Joinville, que tentou o troféu pela terceira vez.

Técnico do time, Herick Montibeller falou da felicidade em levar o troféu para casa: “Querendo ou não, é uma competição que tem uma visibilidade muito grande e ela pode ser divisor de águas para esses meninos. E eles merecem tudo de melhor”, pontuou, orgulhoso.

Segundo o presidente da federação de Futsal, Anderson de Andrade, a Copa Mundo do Futsal é a maior competição no esporte e isso certamente movimenta a cidade de Paranaguá, além de gerar um grande impacto social: ele disse alunos da rede municipal e da Apae puderam tirar fotos com atletas do mundo todo.

Narrador e comentarista da Copa, Elisio Junior pontuou que fica muito feliz em fazer parte das transmissões, pois vê em nossa equipe profissionais competentes e uma grande estrutura. “O Canal O Repórter já é consolidado como um dos principais canais de futsal do Paraná e também do Brasil. Tive a oportunidade de conversar com a organização e indicar o Canal O Repórter. O Futsal vem crescendo muito e é muito importante esse trabalho”, salienta.

Equipe O Repórter acompanha Copa Mundo do Futsal em Paranaguá

Paranaguá terá cartilha infantil sobre a cidade

Representando a TVCI, o jornalista Pierre Andrade falou da relevância de transmissões no Futsal. Segundo ele, além de levar o nome de Paranaguá, a Copa inspira muitos jovens. “Essa copa inspira muito atletas, jovens talentos do mundo inteiro. Eu tenho certeza de que leva o nome de Paranaguá aos diversos cantos do planeta e também incentiva muitos jovens a começar na prática esportiva”, declara.

Entrevistas internacionais

Aproveitando a oportunidade, nossa redação entrevistou atletas e representantes de times da Argentina e dos Estados Unidos. As falas foram traduzidas para o português, mas a entrevista, na íntegra, pode ser vista em nosso Canal no Youtube.

O melhor goleiro da rodada, Santiago Rodgers, da Argentina, falou que parte da sua família, que não o acompanhou, pode ver todos os jogos de perto, por meio das transmissões. Quanto ao título de melhor goleiro, ele disse que foi uma surpresa: “Estou muito feliz, é um reconhecimento enorme que eu não esperava e é muito importante para mim”, disse.

Já o Diego Basílico, que é gerente do Futsala (Argentina), comentou que as transmissões eram de muita qualidade e todos os torcedores de seu país puderam acompanhar: “Transmissões são excelentes, todos os argentinos puderam ver o torneio com muito entusiasmo, muito otimismo”, afirmou, destacando que a Copa foi linda, um espetáculo como sempre.

Jogador do NY/Ecuador, Kyle Parks falou à nossa equipe que gostou muito da experiência no Brasil “Foi uma grande experiência, a atmosfera, o ambiente, o ginásio, tudo tem sido maravilhoso”, destacou.

Seu colega de time, Osbin Mendez falou bem dos jogadores brasileiros: “É um nível alto. Então vir aqui e competir com jogadores profissionais é muito legal”. Sentindo saudades de casa, ele disse que retornaria logo e que sua família o viu pelo YouTube: “Eles estavam acompanhando os jogos pelo YouTube, então é muito legal ter isso disponível para a minha família”.

oreporter

Related post

Enviar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *