Câmara de Agudos realiza evento sobre autismo

 Câmara de Agudos realiza evento sobre autismo
Compartilhe

Da assessoria

Na última quinta-feira (23), a Câmara Municipal de Agudos do Sul foi palco de um evento marcante: o 1º Encontro Presencial do Programa AMP ITAIPU do Autismo, uma iniciativa do curso de Pós-Graduação em Autismo. Com o intuito de promover a conscientização e oferecer suporte à comunidade, este encontro representou um marco significativo na jornada em direção à inclusão e compreensão do autismo na região.

Sob a liderança do renomado docente Fábio Terreiro, o evento proporcionou uma oportunidade única de aprendizado e troca de experiências. A presença de pais, profissionais da área da saúde, educadores e membros da comunidade em geral demonstrou o interesse e o engajamento crescente em torno dessa questão vital.

Durante a aula ministrada por Terreiro, os participantes puderam explorar diversos aspectos relacionados ao autismo, desde suas características fundamentais até estratégias de intervenção e suporte. Com uma abordagem inclusiva e empática, o docente destacou a importância de compreender e valorizar as diferentes formas de expressão e experiência associadas ao espectro autista.

Copa Mundo do Futsal: TV O Repórter transmitindo para o mundo todo

Jovem talento do karatê de Agudos conquista medalhas em Curitiba

Além disso, o evento serviu como plataforma para o lançamento de futuras iniciativas e projetos destinados a promover uma maior conscientização e inclusão na comunidade de Agudos do Sul. A colaboração entre instituições locais, profissionais qualificados e membros da sociedade civil emergiu como um elemento essencial nessa jornada coletiva.

O 1º Encontro Presencial do Programa AMP ITAIPU do Autismo em Agudos do Sul não apenas marcou um passo importante na promoção da inclusão, mas também inspirou esperança e determinação em todos os envolvidos. Com o compromisso contínuo de educar, capacitar e sensibilizar, a comunidade está preparada para enfrentar os desafios e celebrar as conquistas em prol de um futuro mais inclusivo e acolhedor para indivíduos no espectro autista.

oreporter

Related post

Enviar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *