Usina do leite de Mandirituba já tem terreno cedido!

 Usina do leite de Mandirituba já tem terreno cedido!
Compartilhe

Da redação

A tão sonhada usina de leite de Mandirituba está prestes a sair do papel! Foi votada em primeira instância, na Câmara Legislativa Municipal, na última terça-feira (14), o projeto de autoria do Poder Executivo que solicita a permissão para ceder o terreno da Prefeitura onde será construída a usina.

De acordo com o vereador Fernando Teixeira, que comentou o projeto aprovado por todos durante a sessão, este é um projeto que já existe há mais de dez anos. “Essa Usina de Leite nós conseguimos em 2013, no meu primeiro mandato. Recurso esse, encaminhado pelo então deputado federal Odílio Balbinotti. Na época, havia aquele problema com abatedor de frango, onde vários produtores de frango de Mandirituba vieram a quebrar e ficaram com o prejuízo. Com isso, vimos [na usina] uma ideia de tentar fomentar economia na zona rural”, lembra o vereador.

Ainda segundo ele, muitos estudos foram feitos, e o projeto acabou sendo deixado para a atual gestão, que teve que fazer diversas manobras para não perder o recurso. Inclusive, o deputado federal Toninho Wandscheer teve que assumir o recurso, para que não fosse perdido.

Com terreno e clima propício para a criação de gado leiteiro, Teixeira acredita que a nova usina será um sucesso e ajudará muito aos produtores locais. A capacidade de produção é de mais de 10 mil litros de leite por dia, incluindo produções não só da cidade, mas de todos os municípios da Amsulep – Associação dos Municípios da Região Suleste do Paraná.

Leia mais:

Fernando Teixeira acredita ter sido hackeado

Colônia Retiro receberá importante melhoria na infraestrutura de abastecimento de água

O vereador ainda disse que solicitou à secretaria de Agricultura que proporcione cursos de leite e visitas técnicas para os produtores locais. “E quem vá assumir essa usina, que tenha responsabilidade, para que não aconteça o que aconteceu com o abatedor de frango, pra que depois que as pessoas estejam produzindo, investindo, venham a levar um golpe e adquirirem dívidas”, comentou.

O vereador e vice-presidente da Câmara Vilson Anderson Calaz disse que está muito feliz em aprovar este projeto, e que ele representa “um avanço para Mandirituba”. Já a vereadora e 1ª secretária Marilia Segala disse que está otimista: “Hoje tivemos uma esperança muito grande, que vai alavancar a economia de Mandirituba […] Um sonho, que vai ajudar as famílias mandiretubenses”, enfatizou, parabenizando todos os envolvidos do Poder Público.

O vereador Guilherme Chupel também comentou o projeto, destacando que passou pelo endereço onde a usina será instalada e que tudo em volta já está asfaltado. “Quem falava que a usina seria um elefante branco, hoje vê que a realidade é outra coisa”, apontou.

oreporter

Related post

Enviar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *