CIP de Fazenda Rio Grande capacitou mais de três mil jovens

 CIP de Fazenda Rio Grande capacitou mais de três mil jovens
Compartilhe
Mais dwe 3 mil jovens capacitados – Imagem Assessoria

A Prefeitura de Fazenda Rio Grande capacitou, por meio do CIP – Centro de Iniciação Profissional, da Secretaria de Trabalho, Emprego e Renda, mais de três mil jovens em 2023. Na tarde da quinta-feira (14), no Teatro Municipal, 200 deles receberam os certificados em um evento que reuniu pais, professores e autoridades. Nos últimos anos, o CIP tem aumentado o número de atendimentos saltando de 256 atendimentos em 2021; 1.032 em 2022; e 3.296 neste ano.

Emanuelle Vitória, 14 anos, esteva feliz por ter concluído o curso de Língua Inglesa. Para ela, foi uma grande experiência.    “Foi muito boa e importante essa experiência, me formei e agora estou procurando trabalho, aprendi bastante”, elogiou.

O secretário de Trabalho, Dr. Renan Wozniack, elogiou o trabalho realizado pela equipe e demonstrou otimismo em relação a novos cursos e ações em 2024. “Todos vocês (jovens) são vencedores por estarem aqui, pessoas de 15 a 17 anos, que decidiram estudar, se preparar, terem um bom currículo e estarem melhor preparados “.

Formatura CIP

O secretário também destacou o crescimento do número de empreendimentos no município. “Fazenda Rio Grande é uma cidade jovem e empreendedora, vemos isso também pelo crescimento do número de MEIs”.

Segundo a coordenadora do CIP, Josiane Kwiatkowiski, o trabalho foi compensador e a dedicação muito grande. “Essa formação é importante para os jovens e mostra nossa preocupação com a boa formação de todos”.

Neste ano, foram ofertados cursos de Inglês, Informática, Vendedor, Gestão, Auxiliar de Operação Logística, além do projeto Trilha Jovem.

Formatura CIP

Neste ano, a Secretaria também proporcionou cursos por meio da Carreta do Conhecimento e do Programa Bora Paraná.

Participaram do evento o secretário Caio Szadkoski, que representou o prefeito Marco Marcondes, a gerente executiva da Faculdade Senac-Portão, Ângela D’Agostin Borges; coordenador do escritório regional do CIEE (Centro de Integração Empresa Escola); coordenador de Educação do Senai Campo Largo, Antônio Woski; a gerente Arielly Neves dos Reis Félix, que passou pelo programa Jovem Aprendiz.

oreporter

Related post