Capacete frouxo causa morte de motociclista na PR-421 em Araucária

 Capacete frouxo causa morte de motociclista na PR-421 em Araucária

Capacete frouxo causa morte de motociclista na PR-421

Compartilhe

Morte de motociclista é provocada pela perda do capacete no momento em que ele bate na lateral de um carro que tentava fazer uma conversão na PR-421 em Araucária.

Morte de motociclista causada por um pequeno detalhe

De acordo com informações de populares, um palio cinza que estava na PR-421 sentido Araucária foi realizar uma conversão à esquerda para entrar na Cassol.

No momento da manobra, a motorista viu que dava tempo de passar na frente de um ônibus que vinha em sentido contrário, mas acabou sendo surpreendida pelo motoqueiro que realizava uma ultrapassagem.

O impacto não foi muito violento e o motociclista poderia estar vivo se caso o capacete não soltasse da sua cabeça.

Com a queda e sem o equipamento de proteção, a cabeça do rapaz bateu algumas vezes no asfalto causando um possível traumatismo craniano.

Mesmo com o acionamento rápido do Corpo de Bombeiros, ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local do acidente.

No geral, desconsiderando toda a cinemática do acidente, gostaria de alertar sobre a importância do uso do equipamento de proteção individual, o capacete.

Motociclistas, sempre que foram sair com suas motos verifiquem se o equipamento está bem afivelado e principalmente estejam cientes do prazo de validade do capacete.

As vezes, na pressa para sair podemos sim, deixar de afivelar corretamente ou até por opção deixar ele um pouco mais frouxo, porém não é o ideal como vimos neste caso.

Fiquem atentos.

oreporter

Related post