Vendedores ambulantes terão espaço limitado para comercialização em Piên

 Vendedores ambulantes terão espaço limitado para comercialização em Piên
Compartilhe

Reunião define regras para ambulantes (Da Assessoria)

Com as proximidades dos eventos de aniversário do município e também do Natal Luz de Piên, a prefeitura estabelece alguns critérios para a circulação de vendedores ambulantes no município. Objetivo é regularizar o comércio informal, já que não é possível uma proibição e se faltar essa organização, acaba por prejudicar o comércio local.

Durante a reunião que contou com a equipe de organização, tributos, vigilância sanitária e fiscalização do município, foi definido que os vendedores ambulantes deverão se estabelecer na Avenida Paraná, no trecho próximo ao Sindicato Rural e a Igreja Matriz. “Não será permitida a circulação destes vendedores em outros pontos do município. Objetivo é evitar que vendedores de fora venham para a cidade e prejudiquem as vendas do comércio local”, disse Josnei Grosskopf, secretário de Governo.

Ambulantes interessados em participar dos eventos do município terão que solicitar antecipadamente a autorização do município, recolher as taxas, e assim receber o alvará eventual para o dia do evento. Conforme o setor de tributos do município, o valor a ser recolhido para a comercialização de ambulantes é de R$ 174,85 por dia, exceto trailer. Também importante destacar que não será permitida a comercialização de alimentos, mesmo que não haja manuseio. A prefeitura explica ainda que durante estes eventos haverá fiscalização ostensiva onde será conferida a documentação de cada vendedor. “Quem estiver comercializando produto sem ter recolhido a taxa antecipadamente, terá que recolher na hora com um dos nossos fiscais devidamente identificados”, disse o secretário. Caso o ambulante não realize o recolhimento da taxa será proibido de comercializar, sob risco de sofrer as sanções da legislação.

Feira da Lua

Implantada desde 2021 a Feira da Lua tem sido uma grande oportunidade para pienenses de exporem seus trabalhos. Todas as sextas a Praça da Paz recebe estas famílias que comercializam produtos de alimentação e artesanato. “Criamos a Feira para oportunizar uma fonte de renda e proporcionar lazer para as famílias pienenses”, relatou Ana Lima, da secretaria de Desenvolvimento Econômico. Moradores de Piên que queiram participar da Feira da Lua, seja na comercialização de alimentos, bebidas ou artesanato, devem procurar a secretaria de desenvolvimento do município para se informar e fazer a inscrição. “Nosso objetivo é ajudar as famílias de Piên, por isso estabelecemos regras pois não achamos justo alguém vir de fora, vender e levar o dinheiro de Piên embora”, finaliza Ana.

Local definido para o comércio ambulante (Da Assessoria)

oreporter

Related post