DestaquePiênPiênPiênPolíticaÚltimas Notícias

Silêncio quebrado e apoio definido a João Padeiro

Rosilda Drevek, irmã de Loir Drevek, prefeito eleito de Piên em 2016, quebrou o silêncio e, com exclusividade, falou com O Repórter sobre a eleição que acontece neste domingo, dia 17.

Rosilda disse que a família ainda está abalada pela forma como Loir foi assassinado e que, se as pessoas acusadas pela morte estivessem aceitas o resultado, a pacata cidade estaria vivendo outro momento. “Meu irmão se preparou para ser prefeito, ganhou nas urnas, mas possivelmente por não aceitar negociatas, acabou assassinado de forma covarde. Mais de dois se passaram, mas a dor ainda é grande”, disse Rosilda.

Rosilda Dreveck acredita que João Padeiro é o melhor para Piên
Foto: O Repórter

+ Confira as entrevistas com os candidatos a prefeito de Piên

 

A família procurou ficar de fora da eleição. Inclusive Rosilda foi convidada a disputar o pleito, mas não aceitou. Porém, nesta semana, os Drevek optaram em apoiar o candidato João Padeiro, que disputou a eleição com Loir. “Realmente nossa família queria ficar de fora totalmente da eleição, mas estamos ao lado da população que anseia por mudanças. Assim, decidimos apoiar o João. Aliás, um dia antes de ser morto, o Loir conversou com ele (João) e relatou que estava com medo, pois estava sendo pressionado para ceder cargos importantes na prefeitura. Como não queria nenhum tipo de esquema, pois pretendia governar ao seu estilo, ganhou a morte. A nossa política precisa de gente determinada a mudar e o João tem este perfil. Ele e Loir eram adversários sim, mas amigos. Não saímos as ruas pedir votos para a população, mas torcemos para que o João vença e promova as mudanças que a população tanto anseia”, finaliza Rosilda.

 

Da Redação
Continuar lendo

Artigos Relacionados

Loading...