CidadesDestaqueParanáQuitandinhaQuitandinhaÚltimas Notícias

Quitandinha foi um dos municípios que mais sofreu com as chuvas

O último balanço apresentado pela Defesa Civil trouxe números bastante expressivos de pessoas atingidas pelas fortes chuvas que assolaram o estado do Paraná. Segundo os dados, de quinta-feira (30) até a última quarta-feira (5º), 34.293 pessoas, de 36 cidades, foram prejudicadas pelas chuvas. Além disso, 5.735 residências foram danificadas e mais de 700 pessoas estão desalojadas.

Na região suleste do Paraná, o município de Quitandinha foi um dos mais afetados. Além das ruas alagadas, mais 200 pessoas acionaram a Defesa Civil relatando algum problema, já o número de desalojados passou de 80. O Ginásio de Esportes do município alojou 12 pessoas que não tiveram para aonde ir após as fortes chuvas.

Equipe da prefeitura de Quitandinha no auxilio dos moradores que foram prejudicados por causa das fortes chuvas
Foto: Assessoria de Comunicação Prefeitura Municipal de Quitandinha

+ Comec realizará uma reunião técnica com os prefeitos da RMC

A equipe da administração municipal se reuniu para ajudar as famílias e acolher àqueles que tiveram suas residências invadidas pela água. E após um longo final de semana de apoio, uma boa ação reuniu as pessoas, que encaminharam muitas doações.

A atitude dos moradores do município e região é vista com muita gratidão pela prefeita Maria Julia. “Teve muito prejuízo e isso ninguém merece passar. Mas tivemos muitas doações também, o pessoal se preocupa um com o outro e eu agradeço a todos que contribuíram. Vários funcionários da Prefeitura, da Defesa Civil, bombeiros e policiais também ajudaram nos resgates. Apesar das dificuldades, teve muita solidariedade nesses dias. Obrigada a todos!”

Já os outros municípios, como Tijucas do Sul, Campo do Tenente e Piên, apesar de algumas ocorrências, não houve registro de desabrigados e residências danificadas.

 Defesa Civil do Paraná

A Defesa Civil é responsável por auxiliar na prevenção, no socorro e assistência em situações de desastres naturais e incidentes tecnológicos. Além de preservar a população e restabelecer a normalidade social. Segundo o coordenador estadual de Proteção e Defesa Civil do estado, Coronel Ricardo Silva, a participação do órgão é imprescindível quando acontece essas tragédias naturais.

“Diante do cenário nacional em relação aos desastres, é imprescindível a resposta efetiva à população por parte do Estado, reduzindo riscos e sobretudo a perda de vidas. Para tanto, a reunião de esforços por parte das estruturas governamentais em todas as suas esferas e da sociedade civil organizada se faz necessária para uma atuação articulada e efetiva, com vistas à redução de riscos e apoio à população nos desastres”.*

DOAÇÃO

Para ajudar com doações, a Defesa Civil publicou alguns pontos de coleta:

PIRAQUARA

Local: Associação Beneficente Dikaion

Endereço: Rua Francisco Schuartz, Nº 489 – Centro de Piraquara

Telefone: 3673-7306

SÃO JOSÉ DOS PINHAIS

Local: Barracão de Pronto Atendimento da Defesa Civil

Endereço: Rua Porto Alegre, Nº 138 – Ouro Fino

Telefones: 41 3283-6661/41 3283-1204

QUATRO BARRAS

Endereço: Av. Dom Pedro II Nº 100.

Telefone: 41 3671-8800 – Ramal 7832.

PROVOPAR ESTADUAL

Endereços: Rua Hermes Fontes, 315 – Batel, Curitiba/PR ou Rua Sergipe, nº 1712, Guaíra – Curitiba/PR.

Telefone: 41 3234-1118

 

 * Resposta retirada do site defesacivil.pr.gov.br

 

Por: Riana Carvalho
Continuar lendo

Artigos Relacionados

Loading...