CidadesDestaqueEspecialFazenda Rio GrandeFazenda Rio GrandeÚltimas Notícias

Pensando no futuro, prefeitura de Fazenda Rio Grande inaugura escola Valdinéia dos Santos e dez novas salas para 1,8 mil alunos do município

Fazenda Rio Grande ganhou mais uma escola municipal na manhã da última segunda-feira (5). Com dez salas e capacidade para 1,2 mil alunos, a escola Valdinéia dos Santos está localizada no bairro Nações e foi construída com recursos próprios da Prefeitura.

“Essa obra é fundamental, é um divisor de águas no bairro Nações. Nós fizemos investimentos de R$ 4,3 milhões de reais de recurso próprio. Não tem recurso do estado, nem federal. Isso é recurso da economia, fruto da boa gestão que o senhor [prefeito] vem fazendo”, ressalta o secretário de Educação Ednelson Sobral.

Ainda na segunda-feira, no período da tarde, a Escola Municipal Deputado Luiz Gabriel Sampaio recebeu dez novas salas, com investimentos de mais de R$ 2 milhões. Atualmente, Fazenda Rio Grande alcança a marca de 6.1 no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que é o mesmo em países de primeiro mundo. Tudo graças ao investimento na educação.

escola Valdinéia dos Santos

O prefeito Marcio Wozniack agradeceu ao trabalho do secretário Ednelson e professores, pelo carinho com as crianças. Segundo ele, a nova escola trará mais conforto, segurança e qualidade de ensino. “Quem ganhou hoje foram as crianças, foi a educação de Fazenda Rio Grande”, disse.

Além dessa, outra escola com capacidade similar será inaugurada ainda nesse semestre no bairro Estados. A escola municipal Rubia Mara da Cruz Pacheco terá 12 salas de aula e capacidade para mais de mil alunos, entre ensino fundamental e médio.

É o que se chama dualidade. Para atender à demanda de adolescentes que cursam o fundamental/médio, o município fará uma parceria com o estado, mas ainda separando os alunos de acordo com a idade.

“Nós vamos ceder manhã e noite para o estado, e vai funcionar ensino fundamental e médio nesse horário. De tarde, vai funcionar educação infantil e ensino fundamental I”, explica Sobral.

Leia mais:

Prefeitura de Fazenda Rio Grande quer proporcionar lazer e saúde à população

Com reinauguração do Armazém da Família, moradores poderão voltar a comprar mais por menos

Decisão judicial concede prisão domiciliar a Leonides Maahs e Gilberto Dranka

Os CMEIs Luzia Tonchak, no Jardim Europa, e Kelly Campos, no bairro Santa Terezinha, também devem ser finalizados ainda nesse primeiro semestre. Ambos terão capacidade para atender a 172 crianças de 0 a 3 anos e em período integral. Assim como a escola Rubia Mara, eles foram construídos com recursos federais e municipais.

“Com isso, a gente está completando o ciclo de 231 salas de aula nos últimos anos. Sem contar que estamos construindo a escola Lucélia Shafer no bairro Gralha Azul, uma escola com recursos próprios, que vai custar mais ou menos R$ 5 milhões. Ficará pronta no ano que vem”, aponta o secretário. No mesmo bairro, também está previsto um novo CMEI, que terá capacidade para atender a 140 crianças. O prédio será no Jardim Palmeira.

familiares Valdinéia dos Santos

Valdinéia dos Santos

Professora recém-formada, Valdinéia sensibilizou a toda a população quando faleceu, dando a luz à filha, em abril de 1995. De acordo com os familiares, ela tinha muito amor pelo que fazia e isso contagiava aos alunos e colegas.

“Valdineia foi uma menina bastante esforçada, que aproveitou a oportunidade que teve. Ela veio pra educação por acaso, mas ficou, amou, fazia com bastante gosto, com bastante prazer. Com um sorriso largo no rosto, com bastante amor pela profissão, pela educação infantil principalmente”, conta a irmã Simone dos Santos, também professora e diretora.

Também irmã e professora, Andréia dos Santos diz que a escola é muito ampla e moderna, e que espera que os alunos aproveitem a estrutura. Para ela, trata-se de uma homenagem muito bonita.

A filha, Narayane dos Santos, também acha que é uma bela homenagem. Apesar de não ter conhecido a mãe, ela seguiu os passos e hoje é também professora. “Pra mim é extremamente gratificante. Uma homenagem linda. Não tinha outra forma de homenageá-la”, ressalta.

Por: Dayanne Wozhiak

Continuar lendo

Artigos Relacionados

Loading...
Close