CidadesDestaqueFazenda Rio GrandeFazenda Rio GrandePolíciaÚltimas Notícias

Amor bandido

Blogueiro é detido pela Polícia Militar de Fazenda Rio Grande, após ameaçar fazer mal à própria filha

A Polícia Militar (PM) encaminhou à Delegacia de Fazenda Rio Grande, na região metropolitana de Curitiba, um homem de aproximadamente 25 anos na noite desta quarta-feira (3). De acordo com a PM, ele levou a filha da residência da ex-mulher, sem a devida autorização, e mandou áudio de WhatsApp em tom de ameaça.

 

O homem acabou detido em flagrante por desobediência, já que ofereceu resistência à abordagem policial. Segundo o tenente Pedro, da PM, o caso chegou inicialmente como uma briga de casal.

“Chegou para nós o relato de vizinhos sobre esta briga, onde haveria uma criança pequena na situação. A equipe foi ao local e conversou com a mãe da criança, que informou que ela tinha sido levada pelo pai sem autorização. O pai então enviou áudio pelo WhatsApp afirmando que faria algo de mal à criança”, descreveu o tenente à Banda B.

Em seguida, os policiais foram até a casa do ex-marido, que negou as acusações. “As equipes policiais foram até o local e o rapaz foi localizado. Mediante conversa, ele disse que não entregaria a criança e negou as acusações. Entretanto, com os áudios que tínhamos, ele foi detido e lavrado então o Termo Circunstanciado por desobediência a ordem policial”, afirmou.

+ Condenado em júri-popular

+ Menina adquire arma pra “matar as inimigas” em Fazenda Rio Grande

Segundo a delegada Gislaine Ortega Pineda, ele deveria ter sido preso em flagrante, por se tratar de violência doméstica. “Os policiais não agiram de forma correta. Eles deveriam ter conduzido para a delegacia de polícia. O policial militar lavrou um termo circunstanciado, mas o caso era de prisão em flagrante. Será instaurado inquérito para apurar o crime de violência doméstica como determina a lei”, diz.

Outro lado

O homem preso, em sua rede social, negou as acusações e disse ser vítima de uma perseguição, já que faz críticas aos políticos de Fazenda Rio Grande. Ele ainda afirmou que as acusações da ex-mulher são caluniosas.

Veja aqui o Boletim de ocorrência lavrado pela policia

BOLETIM

Descrição sumária: equipe no local, em contato com a sra. A., a mesma informou que por volta de 1:30h seu ex-marido, sr. Esleif Martins violou sua residência e mediante ameaças retirou a filha de 1 ano e 6 meses do casal. Após levar a criança, ele teria enviado mensagens de áudio por aplicativo “whatsapp” para a sra. A, falando que iria até a BR se matar e mataria a criança também. A sra. A. informou que o sr. Esleif teria levado a criança até a sua residência, que ficaria na Rua Salgueiro, 181. A equipe deslocou até o local, onde foi conversado com o sr. Esleif, o qual confirmou a versão da sra. A., falando que teria ido por volta da meia noite até a casa dela para pegar a criança, pois a sra. A. “não estaria cuidando direito”. O sr. Esleif apresentava sinais de embriaguez e negou-se a entregar a criança para a progenitora, momento em que começou a adentrar na residência e fechar o portão. A equipe como havia escutado os áudios, impediu que Esleif entrasse para dentro de sua residência com a sua filha, pois havia o receio de que pudesse causar mal maior a ele e à criança, tendo que utilizar técnica de imobilização pois o sr Esleif não queria de jeito algum entregar a criança. A todo momento, o sr. Esleif citava que iria chamar o CPU e que conhecia o comandante da companhia e o comandante da polícia, e que o que a equipe estava fazendo era ilegal pois conhecia seus direitos. Diante dos fatos, devido ao indivíduo estar muito alterado e a viatura não dispor de um camburão, tivemos que fazer o uso de algemas para deslocar com o sr. Esleif até a 4ª companhia de Polícia Militar para lavrar o termo circunstanciado. Ao chegar na companhia foi tirada as algemas, porem o sr. Esleif começou a desferir socos contra si mesmo e se bater contra a parede, tendo que ser algemado novamente para que não apresentasse risco a sua integridade física. Ambas as partes foram ouvidas, sendo que Esleif reservou-se a apresentar sua versão em juízo.

Veja, na íntegra, o vídeo desta reportagem:

Da redação com Banda B

 

Continuar lendo

Artigos Relacionados

Loading...
Close