CidadesCuritibaCuritibaCuritibaDestaqueFazenda Rio GrandeFazenda Rio GrandeFazenda Rio GrandePolíciaÚltimas Notícias

Acidente na BR 116 entre ônibus e caminhão deixa passageiros feridos

Um acidente na BR 116, Km 122, envolvendo um ônibus e um caminhão deixou alguns passageiros feridos na tarde desta segunda-feira, 28. Tudo pode ter acontecido por causa de três cachorros que atravessaram na frente do caminhão.

Ônibus acabou colidindo na traseira de caminhão e deixou passageiros feridos
Foto: Reprodução WhatsApp

Segundo as primeiras informações apuradas, três cachorros atravessaram na pista, próximo ao Posto Pelanda, quando o caminhão freou para não atingi-los, neste momento, o ônibus que vinha logo atrás tentou segurar, mas acabou colidindo na traseira no caminhão. Pessoas que estavam no ônibus acabaram se ferindo e foram encaminhas aos hospitais, mas nenhum gravemente ferido.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) atendeu a ocorrência, juntamente com ambulâncias da Auto Pista e viaturas do SIATE. Os passageiros feridos foram encaminhados aos hospitais de Curitiba.

Cachorros podem ter sido causadores do acidente envolvendo ônibus e caminhão
Cachorros teriam atravessado na pista e teriam ocasionado o acidente. | Foto: Reprodução WhatsApp

O ônibus faz a linha Areia Branca/Curitiba e pertence à empresa Reunidas. Confira nota da assessoria:

“O Grupo Reunidas informa que aconteceu uma colisão entre o ônibus que presta serviços ao Sistema Metropolitano de Curitiba e uma carreta no km 122 da BR 116. Segundo relatos do motoristas e de passageiros do coletivo, a carreta parou na pista de rolamento para evitar o atropelamento de cães que estavam na via. Apesar do ônibus estar com velocidade compatível, não conseguiu parar e colidiu com veículo da frente. Alguns passageiros tiveram escoriações leves e foram encaminhados para o Hospital do Trabalhador, Hospital Evangélico e Hospital Cajuru. Todos os ônibus da Reunidas têm inspeções técnicas em dia e realizam revisão mecânica diária. Os coletivos também possuem monitoramento via GPS, além do sistema de tacógrafo. A empresa está à disposição para colaborar com as investigações.”

Por: Riana Carvalho
Continuar lendo

Artigos Relacionados

Loading...